Nenhum Beirute. Nenhum Milkshake

junho 30, 2009

Acho que já estava na hora de reviver meu Blog.  Acho que já faz mais de um ano que eu não escrevo aqui! Ou quase isso.

Bom, um dos últimos posts que escrevi foi sobre uma aposta que fiz no Toninho Freitas. Tinha que engolir dois beirutes e um milkshake pra não pagar nada. Não consegui, e paguei o dobro!

Tá bom, vai. Um dos beirutes eu aguentei. Mas nem se eu tivesse mais 3 horas de tempo eu aguentava o segundo. O cozinheiro obviamente deu uma caprichada ao preparar o sanduíche, mas, mesmo assim, eu esperava ao menos chegar na metade do segundo. Enfim, paguei a aposta e fui pra casa mais pobre. Quem sabe um dia eu não tento de novo?

Logo mais eu escrevo mais posts. Continuem ligados!


Dois Beirutes e Um Milkshake

agosto 27, 2008

Isso é o que eu devo devorar em até 1h (uma hora) para sair da lanchonete/restaurante Toninho Freitas sem pagar absolutamente nada. Há tempos que essa aposta surgiu como idéia do dono do restaurante para atrair a clientela. Obviamente que, para não sair no prejuízo, o dono cobra um cacife ao candidato, no caso de seu estômago não aguentar os dois sanduíches (monstruosos) mais o milkshake, de mais ou menos um litro. O candidato deve pagar o valor equivalente a quatro beirutes e dois milkshakes (cada beirute custa R$ 33,00 e o milshake custa R$ 16,00), ou seja, R$ 164,00 mais os 10% da taxa de serviço, totalizando pouco mais de R$ 170,00. Haja bolso!

Nesta Sexta-Feira, dia 29/08, é a minha vez de aceitar a aposta e conto com a presença e incentivo de todos para conseguir engolir essas monstruosidades. “Mas por que, Fanfa? Por que você está fazendo isso?!?!” Simples. Estou com fome. =)

 Lembrem-se: Sexta-Feira, 29/08, na Dr. Arnaldo n° 242, Toninho Freitas Hamburguer